Categorias
Desenvolvimento

Trabalhando com Firebase Realtime Database no Node.js

O Firebase Realtime Database é um banco de dados NoSQL hospedado na nuvem. Os dados são armazenados como JSON e sincronizados em tempo real para todos os clientes conectados. Quando você cria aplicativos multiplataforma, todos os seus clientes compartilham uma instância do Realtime Database e recebem automaticamente atualizações com os dados mais recentes. Neste artigo vamos ver um fluxo básico de trabalho com o Firebase Realtime Database no Node.js.

Requisitos

1 – Configurar o Firebase Realtime Database

Acesse o painel do firebase: https://console.firebase.google.com/ e crie sua aplicação e configure o banco de dados. Não entrarei em detalhes nesta configuração, verifique a documentação oficial para a configuração: https://firebase.google.com/docs/database/

2 – Instalar o SDK do Firebase no Node.js

Abra o terminal, acesse o diretório raiz do seu projeto e utilize o comando abaixo para realizar a instalação.

npm i --save firebase

3 – Importe o SDK do Firebase no Node.js

import firebase from 'firebase/app';
import 'firebase/database';

4 – Crie o dicionário com as configurações do Firebase

var firebaseConfig = {
  apiKey: "api-key",
  authDomain: "auth-domain",
  databaseURL: "database-url",
  projectId: "project-id",
  storageBucket: "sotrage-bucket",
  messagingSenderId: "messaging-sender-id",
  appId: "app-id"
};

5 – Inicialize o Firebase

firebase.initializeApp(firebaseConfig);

6 – Lendo dados

Após realizar todos os passos, vamos ler dados do nosso banco. Para exemplo vamos utilizar a seguinte estrutura de dados:

{
    "artigos": [ 
        {
            "primeiroartigo": {
                "titulo": "Primeiro Artigo",
                "conteudo": "Primeiro artigo para exemplo."
            }
        }   
    ]
}

Antes de continuar, certifique-se no painel do Firebase que seu banco dados possuí permissão para leitura. Utilize o código abaixo para ler os dados.

firebase.database().ref("artigos/primeiroartigo").on("value", data => {
  console.log(data.val());
}, errorObject => {
  console.log(errorObject.code);
});

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *